quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Fim das empresas de moto-táxi empaca na Câmara de Vereadores

O projeto do vereador Claudir Maciel que acaba com as empresas de moto-táxi na cidade e entrega a organização e gerência da atividade aos próprios moto-taxistas sofreu ontem, durante a segunda votação, pedido de vista por parte do vereador José Carlos Hannibal.
 

 

Para virar lei, o projeto deve passar pela segunda votação, pela redação final, uma mera formalidade e ser sancionado pelo prefeito. Se todas essas etapas foram cumpridas, no final do verão as empresas de moto-táxi deixarão de existir.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário