terça-feira, 9 de outubro de 2012

Tá querendo se matar?

Tá querendo se matar?
Por Por Débora Ertel





Certa vez um amigo meu pediu que redobrasse a atenção ao nomear os condutores de moto. De acordo com ele existem motoqueiros e motociclistas. A primeira classe é formada por motoristas irresponsáveis, que usam a moto como se fosse uma arma e andam para não respeitar as leis de trânsito. O segundo grupo são os condutores responsáveis, que primam pela segurança e pilotam dentro da lei. Infelizmente existe muito motoboy motoqueiro e na segunda-feira pude presenciar uma cena que me causou medo.

Enquanto esperava o ônibus embaixo do Viaduto da 7 de Setembro um motoboy promoveu, em um percurso de 100 metros, um verdadeiro festival de barbaridades. Parecia até que estava querendo sofrer um acidente. Ele desceu o viaduto e entrou na pista lateral sem esperar oportunidade, atravessando-se no meio de dois carros. Depois continuou ultrapassando em zig-zag e chegou a subir no canteiro. Mais adiante, na saída da pista lateral, entrou na BR-116 na frente de um caminhão e sem esperar, já mudou para a pista da esquerda usando o "corredor". Isso andando, com certeza, muito acima de 80 quilômetros por hora, com fluxo intenso na rodovia.

Mas vale uma ressalva. Dos muitos motoboys que passaram por ali enquanto fiquei esperando o buzum, apenas esse cara pilotou como kamikaze. Depois tem gente que se pergunta por que acontecem tantos acidentes...Só gato tem sete vidas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário