segunda-feira, 3 de setembro de 2012

quadrotors: o fim do motoboy [até na entrega de pizza]


t

udo começou com uma brincadeira: alguém criou um startup de mentira, que prometia entregar tacos usando quadrotors, robôs voadores de quatro rotores, como diz o nome, que estão em todo canto, até nas palestras doTED. as coisas parecem [e são, em sua quase totalidade] brinquedos. não qualquer brinquedo, mas brinquedos autônomos, que podem executar, em conjunto e articuladamente, tarefas de razoável complexidade. se você nunca viu um, olhe a imagem abaixo.

a partir da brincadeira, foi só imaginar… e propor que quadrotors poderiam, quem sabe, entregar tacos. até pizzas, talvez. é um delírio achar que a FAA [a ANAC americana] já deveria ter estabelecido regras para quadrotors voando nas cidades, como quer o link acima. mas os avanços dos brinquedos, nos últimos poucos anos, não são triviais e podem, no médio prazo, criar muitas oportunidades práticas. na construção civil, por exemplo,  como você pode ver no vídeo abaixo. um número de centros de pesquisa está trabalhando com enxames de quadrotors capazes de realizar manobras e operações –agindo de forma independente de controladores humanos- que nos deixam antever boa parte de suas possibilidades futuras.



Enviado via iPad

Nenhum comentário:

Postar um comentário