terça-feira, 7 de agosto de 2012

SMSTT alerta que motociclistas não devem aguardar até fevereiro para buscar regularização

 

fechar

Galeria de vídeo

fechar

Galeria de áudios

A Secretaria Municipal da Segurança, dos Transportes e do Trânsito (SMSTT), está fazendo um chamamento para os profissionais que desempenham atividades de mototáxi e motofrete no Município. O decreto que regulamenta as profissões de mototaxista e motofretista (motoboy), na cidade, foi assinado no início do mês passado.

A titular da SMSTT, Rubia Mara Rodrigues, lembrou que a lei que regulamenta essas profissões entrou em vigor no último sábado, 4. No entanto o Conselho Nacional de Trânsito (Contran), prorrogou o prazo para que os mototaxistas e motofretistas possam se adequar à lei, fixando a nova data para fiscalização em fevereiro de 2013. Rubia ressaltou que a SMSTT, mesmo antes da decisão do Contran, já havia determinado tal data para dar início efetivo à fiscalização no Rio Grande. No entanto a secretária enfatizou que os motociclistas não devem aguardar até fevereiro para buscarem sua regularização. Revelou que procura pelo cadastramento, junto à SMSTT, ainda está muito baixa. “Esperávamos uma procura bem maior”, argumentou. Rubia observou ainda que com o cadastro completo dos trabalhadores deste setor, será possível definir os pontos fixos e livres para tais atividades. “Temos de conhecer a real situação do serviço na cidade”, finalizou.

Mais informações pelo telefone 3231-1259. Para o exercício das atividades o cidadão deverá realizar curso especializado de formação, aprovado pelo Detran, ter, no mínimo 21 anos completos, ser habilitado há pelo menos 2 anos na carteira de habilitação tipo “A”, e, quando em serviço, estar vestido com colete de segurança próprio aprovado pelo Contran

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário