terça-feira, 26 de junho de 2012

Novas regras para motoboys valem em agosto

BAND 26/06/2012 13h30

A partir do dia 4 de agosto, os motoboys autônomos deverão se adequar à novas regras de segurança. Segundo as exigências feitas pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito), para ser motoboy o motociclista deve ter no mínimo 21 anos, carteira de habilitação na categoria A com validade de pelo menos 2 anos, certidão de antecedentes criminais, além de comprovante de curso de capacitação, qualificação e atualização.

As motocicletas que fazem motofrete terão de ser brancas. Os motociclistas deverão andar com coletes e capacetes com dispositivos refletivos, proteção para motor e pernas, além de antena “corta-pipa”. As motos, além de brancas, devem ser registradas na capital, originais de fábrica e ter, no máximo, oito anos de uso.

Segundo a resolução do Contran, não serão aceitos como motoboys com mais de 20 pontos na carteira, mandado de prisão ou sem licença para motofrete. Ontem, o Detran (Departamento Estadual de Trânsito) começou a distribuir cartilhas para alertar os motoboys sobre as novas exigências.

Ao todo serão cerca de 100 mil, divulgadas em 100 bolsões de estacionamento para motos. A CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) está dando um curso para 2 mil motoboys. O condutor que não obedecer as regras pode ser multado em até R$ 191,54.

No ano passado, 512 motociclistas morreram nas ruas e avenidas da cidade, segundo relatório anual da CET.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário