segunda-feira, 18 de junho de 2012

Em um mês, CET multa 91 motoristas por desrespeito a ciclistas Programa de Segurança ao Ciclista começou no dia 14 de maio em SP

Multa pode chegar a R$ 574,62 e sete pontos na habilitação. Do G1 SP Em um mês de duração do Programa de Segurança ao Ciclista, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) registrou 91 autuações a motoristas que não respeitaram quem pedala na cidade de São Paulo. Por conta do programa, iniciado em 14 de maio, a companhia instalou mais de 240 faixas nas principais ruas e avenidas da capital para informar aos motoristas sobre a importância do respeito aos ciclistas no trânsito. saiba mais Agentes da CET treinam para fiscalizar ruas de SP com bicicleta Desrespeito a ciclofaixa de Moema gera quase 2 multas por dia, diz CET SP inaugura serviço de compartilhamento de bicicletas Veja como funciona o novo sistema de empréstimo de bikes em SP As autuações têm como base enquadramentos do Código de Trânsito Brasileiro. No artigo 169, está previsto que "dirigir sem atenção ou sem os cuidados indispensáveis à segurança" rende multa. A infração é considerada leve e gera três pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e multa de R$ 53,20. O foco é observar e autuar os motoristas que dirigem sem atenção e não tomam os cuidados necessários à segurança do ciclista, colocando-os em risco, como forçar o ciclista a alterar seu percurso ou frear abruptamente muito próximo da bicicleta. Já o artigo 197 diz que "deixar de deslocar, com antecedência, o veículo para faixa mais à direita, dentro da respectiva mão de direção, quando for manobrar" é considerado uma infração média, com multa de R$ 85,13 e quatro pontos na CNH. O enquadramento foi adaptado para a autuação de veículos que fizerem a conversão sem respeitar o ciclista que vai seguir em frente, já que, para o veículo fazer a conversão, não poderá haver uma bicicleta entre ele e a via para onde pretende entrar. O artigo 220 prevê uma infração grave para quem "deixar de reduzir a velocidade do veículo de forma compatível com a segurança do trânsito ao ultrapassar ciclista". São descontados cinco pontos na CNH, além de multa de R$ 127,69. A multa para quem desrespeitar o ciclista pode chegar até R$ 574,62, com sete pontos na CNH, para os veículos que transitarem na ciclovia ou na ciclofaixa - infração considerada gravíssima. Ciclofaixa de Moema Segundo a CET, além do Programa de Segurança ao Ciclista, a companhia iniciou no mês de maio a fiscalização realizada por agentes de trânsito de bicicletas na Ciclofaixa Definitiva de Moema. Além de acompanhar a operação diária, os agentes também autuam motoristas que desrespeitam as regras de circulação para os ciclistas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário