segunda-feira, 12 de março de 2012

Família é feita refém no Marcos Freire II, em Socorro

 

Assaltantes trancam casal no quintal e fogem após roubo

Assaltos são registrados na Delegacia Plantonista (Foto: Arquivo Infonet)

Pelo menos oito assaltos foram registrados pela Delegacia Plantonista em um período de 24 horas. Na noite do último sábado, 10, um casal foi feito refém de assaltantes que invadiram a residência no Marcos Freire II, no município de Nossa Senhora do Socorro.

De acordo com informações das vítimas, o casal chegou em casa por volta das 22h, estacionou o veículo na garagem. Pai e filho seguiram para o quintal para levar alguns objetos que estavam no veículo. Neste intervalo, a esposa gritou, momento em que foi surpreendida por dois homens armados.

Um deles levou a família para o quintal, todas as vítimas ficaram trancadas. Sob fortes ameaças, o casal e o filho foram obrigados a permanecer deitados no chão, enquanto os dois assaltantes buscavam objetos na residência, ameaçando levar o veículo do casal, informando que o abandonariam posteriormente. Depois de roubarem vários objetos, os assaltantes fugiram em um Fiesta de cor prata, mas não levaram o veículo do casal.

Outros assaltos

No Santos Dumont, dois homens assaltaram um rapaz em um ponto de ônibus. Os assaltantes estavam montados em uma motocicleta e se aproximaram da vítima. O carona apontou a arma contra a vítima e exigiu a carteira da vítima, que continua documentos pessoais. Depois do roubo, os assaltantes fugiram.

No mesmo bairro, um homem que conduzia uma Shineray também foi abordado por dois homens armados, que ocupavam uma outra motocicleta. O carona desceu e, apontando a arma, exigiu a Shineray. Os dois fugiram, levando o veículo da vítima.

No Bugio, dois homens roubaram um veículo no momento em que o proprietário chegava em casa. A vítima e o filho chegavam em casa quando foram surpreendidos por dois homens armados. Um deles apontou a arma e, sob ameaças, exigiu o veículo, um Corsa ano 2002 e desapareceram em seguida com o carro da vítima.

Um vendedor de título de capitalização também foi assaltado no bairro São José, em Aracaju. Quando seguia para a sede da empresa para fazer a entrega do montante arrecadado com a comercialização dos títulos, ele foi abordado por dois homens, que estavam em uma motocicleta de cor vermelha. O carona desceu da moto e, com arma em punho, tomou a bolsa que continha R$ 510.

No bairro Luzia, três homens armados com revólver e pistola assaltaram um homem que estava em um Ford Fusion. Sob fortes ameaças, os três assaltantes o mantiveram refém e ainda invadiram a casa da namorada do jovem. A vítima sugeriu que eles levassem o veículo e todos os objetos que estavam no interior do carro e deixassem a família em paz. Os assaltantes aceitaram a sugestão, fugiram com o carro e o abandonaram posteriormente, em uma rua próxima ao local do crime.

No mesmo bairro, os mesmos homens, com o Fusion roubado, abordam um grupo de amigos, que reagem ao assalto, dando soco em um dos bandidos e uma das vítimas acaba baleada por um tiro disparado por um dos assaltantes. Um dos assaltantes entrou pela porta traseira do veículo de uma das vítimas, um Fox de cor preta, e começou a confusão. As vítimas conseguiram se livrar dos assaltantes, que também levaram o Fox e o abandonaram em local próximo. Os assaltantes fugiram e os amigos conduziram a vítima ao hospital.

Um motoboy também é assaltado na Farolândia. Ele foi acionado por uma cliente, que estava em uma farmácia. Quando chegou no local não a encontrou. O motoboy se comunicou com a base e foi orientado a aguardá-la que ela já estaria a caminho. Neste intervalo, o motoboy foi surpreendido por dois homens que se aproximaram dele ocupando uma moto CG 125. O carona desceu e, com arma em punho, anunciou o assalto, exigindo a motocicleta da vítima. Em seguida, os assaltantes fugiram sem deixar pistas

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário