quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

MG: polícia mata motoboy em frente à Pizzaria

 

O motoboy era ex-marido de uma garçonete da pizzaria. A polícia foi chamada depois dele ter uma crise de ciúmes e mostrar uma arma

     


Um motoboy foi morto pela polícia em frente a uma pizzaria em Belo Horizonte nesse domingo.
Paulo Márcio dos Santos era motoboy e ex-marido de Meibe de Souza Castro, garçonete da pizzaria onde tudo aconteceu, e tinha ido até lá para levar a mulher para casa. O casal estava separado há um mês.
Paulo teria chegado à pizzaria com sinais de embriaguez e, ao saber que a mulher preferia voltar para casa com um colega de trabalho, teve uma crise de ciúmes. O motoboy chegou a mostrar que estava armado e, assustados, os clientes chamaram a polícia.
As imagens de uma câmera de segurança mostram a chegada dos policiais, e a perseguição entre eles e Paulo. O homem levou um tiro na cintura, chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
Com ele, a polícia encontrou uma arma descarregada. O soldado que fez o disparo está preso e à disposição da polícia. Em depoimento ele disse que o tiro foi em legítima defesa.
A ex-mulher do motoboy alega que ele já estava imobilizado quando levou um tiro nas costas. O pai de Paulo diz que a polícia falhou, e que o filho teria sido algemado pelos policiais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário