quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Bauru oferece capacitação para motofretistas

O curso, que será realizado no Sest/Senat a partir do dia 12, é gratuito; estão abertas 180 vagasREDAÇÃO

Estão abertas as inscrições para curso de capacitação de motociclistas de Bauru e região que trabalham como motofretista, ou seja, que fazem entrega de mercadorias mediante remuneração. A capacitação para motofretistas e mototaxistas (transporte de passageiros) tornou-se obrigatória por força da Resolução Nº 350 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que já está em vigor. Apesar de ainda não haver fiscalização efetiva, a tendência é que as empresas passem a dar preferência a profissionais com a capacitação.

Para este primeiro curso, que será realizado no Serviço Social do Transporte/Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (Sest/Senat), estão abertas 180 vagas. A capacitação é gratuita, uma parceria do Sest/Senat com o Governo do Estado de São Paulo. Em todo Estado, são 9.500 vagas. Porém, a Comissão Municipal de Emprego está trabalhando para, em 2012, Bauru oferecer cursos de capacitação em várias áreas, incluindo as de mototaxistas e motofretistas.

Edson Dias Bicalho, presidente da Comissão Municipal de Emprego em Bauru e do Sindicato dos Químicos de Bauru e região, explica que haverá verba para a realização dos cursos. “O Governo Federal, através do Ministério do Trabalho e Emprego, destinou R$ 5 milhões para cursos de qualificação profissional no Estado de São Paulo. E o Governo de Estado outros R$ 61 milhões. Então, serão R$ 66 milhões para este fim. Estamos elaborando projetos, que esperamos que sejam aprovados, de cursos de qualificação em Bauru para várias áreas” detalha.

Para definir as áreas dos cursos, a Comissão Municipal de Emprego está mapeando as necessidades de mercado em Bauru. “A comissão apresenta o projeto para a realização do curso, indica a entidade onde ele será oferecido e, em sendo aprovado, são abertas as inscrições”, completa. Pelo programa, os cursos são ministrados por instituições credenciadas pelo Governo do Estado, como Sistema S, Fatec e Etec, e são gratuitos.

O curso para motofretista no Sest/Senat começa no próximo dia 12. A estrutura curricular, de 30 horas/aula (vai até fevereiro de 2012), inclui ética e cidadania na atividade profissional, noções básicas de legislação, gestão de risco sobre duas rodas, segurança e saúde, transporte de pessoas ou cargas e prática veicular individual específica.

Pode se inscrever para o curso é necessário ter 21 anos ou mais e ser habilitado na categoria “A” há, no mínimo, dois anos. O motorista que estiver cumprindo pena de suspensão do direito de dirigir, que teve a habilitação cassada decorrente de crime de trânsito ou estiver judicialmente impedido de exercer seus direitos não pode participar.

Serviço
As inscrições para o curso de motofretista devem ser feitas no próprio Sest/Senat de Bauru, que fica na Rua José Postingue, 5-115, Distrito Industrial II. É preciso apresentar uma foto colorida 2X2 recente, xerocópia simples da CNH aumentada em 130% (em papel sulfite A4 legível); Certidão de Pronturário Detran para fins trabalhistas original (retirar o documento na Ciretran onde a CNH foi emitida ou no Poupatempo) e Certidão de Distribuição Criminal original retirada no Fórum (na cidade de emissão da CNH). Caso haja processo na Certidão de Distribuição Criminal, solicitar junto ao Fórum a Certidão de Objeto e Pé.

Sobre o Sindicato dos Químicos de Bauru e região
O Sindicato dos Químicos de Bauru e região, como é conhecido, foi fundado em 1989. Sua base territorial é compreendida pelos municípios de Agudos, Arealva, Avaí, Balbinos, Bariri, Bauru, Boa Esperança do Sul, Bocaina, Boracéia, Borebi , Guarantã, Iacanga, Itaju, Itapuí, Jaú, Lençóis Paulista, Pederneiras, Pirajuí, Piratininga, Pongaí, Presidente Alves e Reginópolis, que concentram mais de 5 mil trabalhadores do setor.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário