terça-feira, 29 de novembro de 2011

SÃO MATEUS LEGALIZA SERVIÇO DE MOTOTÁXI

SÃO MATEUS LEGALIZA SERVIÇO DE MOTOTÁXI

Município é o único do Estado que implantou o serviço de acordo com lei municipal e federal

Legalizados estão adequados as novas mudanças. Legalizados estão adequados as novas mudanças. São Mateus - A legalização dos mototáxis em São Mateus  durou dois anos entre ajustes e acertos no projeto, mas agora está valendo. Desde segunda-feira, dia 21, 49 mototaxistas começaram a trafegar com motos e capacetes amarelos, placas vermelhas e documentos de prestação de serviços de transportes.

A medida não saiu barato para os profissionais que gastaram em média R$ 800 entre adequação das motos, placas e coletes. Trabalhando antes na clandestinidade, hoje a classe comemora a mudança.

"Iremos trabalhar agora reconhecidos profissionalmente e não teremos mais que ter medo da polícia, pelo contrário, agora queremos apoio dela para inibir quem anda na clandestinidade", revelou o mototaxista Overlan Oliveira.

O prazo para que o mototaxista no município se adeque as mudanças é até 1° de dezembro, depois disso, quem for detectado sem a documentação necessária, pode ter veículo apreendido e multa, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro.

"A legalização destes profissionais foi uma questão de honra e dignidade para eles", disse o prefeito Amadeu Boroto.

Com seis anos de profissão, Overlan diz estar orgulhoso com a legalização. "Fique muito feliz. Agora poderemos ter um sindicato, com presidente e tudo mais que tivermos direito, trabalhar na paz está sendo bom demais".

Além das adaptações da moto, o condutor terá ainda que disponibilizar ao cliente uma touca higiênica. Outras 21 placas que estão faltando, a prefeitura irá disponibilizar para Guriri,  Nestor Gomes, Nova Aymores e Santa Maria.

O município é o único do Estado que implantou o serviço de acordo com lei municipal e Federal. "Estamos proporcionando a classe que trabalhem de forma segura e com ainda mais qualidade", disse o secretário de Defesa Social, Nilis Castberg.

NOVAS REGRAS
Moto e capacete na cor amarela
Placa vermelha
Colete de identificação
Touca higiênica disponibilizada para o cliente

Nenhum comentário:

Postar um comentário