sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Polícia Militar realiza aula inaugural do curso de motociclista

Da Assessoria

A Polícia Militar de Mato Grosso realizará na próxima segunda-feira (19.09), às 8 horas, a aula inaugural do curso de motociclistatas, no auditório do Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (Detran-MT), localizado no Centro Político Administrativo. O curso é voltado para profissionais que atuam na área de segurança pública e tem como objetivo capacitar esses profissionais para atuarem no patrulhamento ostensivo e escoltas com o uso de motocicletas.

Na solenidade estarão presentes aproximadamente 100 pessoas, entre autoridades militares e participantes do curso, oriundos do Batalhão de Trânsito Urbano e Rodoviário (BPMTran), Comando Regional de Várzea Grande (CR II), Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) e do Exército Brasileiro.

O curso terá carga horária de 172 horas/aula, com encerramento previsto para o dia 11 de outubro deste ano. As aulas serão desenvolvidas de maneira teórica e prática, nas dependências do Batalhão da Polícia Militar de Proteção Ambiental, em outras unidades da PM e também no Centro de Pilotagem da Motoraça. Outros locais também poderão ser determinados pelo instrutor, desde que autorizado pelo coordenador do curso e publicado por Nota de Instrução.

Serão quatro semanas de aulas, nos horários matutino (7h às 12h15) e vespertino (14h às 18h25). Durante o curso serão aplicadas ao todo nove disciplinas, são elas: legislação de trânsito; primeiros socorros; mecânica de motocicletas; policiamento com motocicletas e manual de Procedimento Operacional Padrão (POP); técnicas avançadas de pilotagem; gerenciamento de crise; escolta com motocicletas; formação e deslocamento com motocicletas e estágio supervisionado.

De acordo com o comandante do BPMTran, o tenente-coronel Wilson Batista, ao final do curso os policiais militares estarão aptos para atuar nas fiscalizações de trânsito urbano, realizar escolta de autoridades, presos e delegações, oferecer atendimento rápido em casos de acidentes de trânsito, dentre outras situações que necessitem maior agilidade e rapidez de atendimento voltado para às atribuições das instituições de segurança pública

Nenhum comentário:

Postar um comentário